O beijo de despedida

O beijo de despedida

 

Dizem que pequenas ações é o que fazem a gente viver bem e melhor, certo?

Quando aprendemos que os pequenos detalhes é o que levaremos para o resto da vida, ela passa a fazer sentido.

Leia essa história simples mas emocionante sobre como os detalhes fazem toda a diferença.


 

Em uma manhã de sexta-feira, um homem estava se arrumando para ir trabalhar.
– Chegarei atrasado para uma reunião, preciso correr.
Disse ele à responsável pela limpeza da casa, enquanto pendurava o casaco por cima do ombro e saía rapidamente da casa.
Enquanto ele se afastava, ela desceu correndo as escadas de dois em dois degraus.
– Espere, espere.
Ela disse, mas ele já havia saído.
Sua boca se encolheu como papel de embrulho usado.
– Ele esqueceu de me dar um beijo de despedida.
Ela sussurrou em uma voz que tremia sob o peso de sua dor no coração.
Ela então ligou para o celular dele.
– Você saiu sem me dar um beijo.
Ela disse acusadoramente.
– Eu sinto muito, querida, mas já estou bem longe.
Disse ele, com sua voz contrita.
– Está tudo bem.
Ela disse, tentando parecer mais adulta enquanto desligava o telefone.
Ela tomou o café da manhã, vestiu os sapatos, pegou a mochila e começou a sair pela porta, meio triste, com os ombros caídos.
Quando ela desceu os degraus, um carro freou de repente na porta da sua casa.
Era ele, que saiu do carro.
Ela correu em direção à ele com seu rosto todo iluminado, parecendo uma árvore de Natal.
– Eu sinto muito por ter esquecido.
Ele disse, enquanto a pegava e a abraçava.
Ela não disse nada, mas, sua mandíbula doía de tanto sorrir.
Quinze anos depois, ninguém se lembraria de que ele estava atrasado para uma reunião, mas uma garotinha, que perdera a mãe desde que era um bebê, nunca esqueceria que seu pai dirigiu um longo caminho de volta para casa, mesmo estando bem longe, apenas para lhe dar um beijo de despedida!


 

Gostou? Então irá amar as nossas outras histórias emocionantes:

A história da cadela Bella

A história de Pedro e Cristina

A última despedida

Chuva 

A maçã mais doce

Um pingo de esperança

 

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: